segunda-feira, novembro 20, 2006

Doces Pássaros da Juventude

DOCES PÁSSAROS DA JUVENTUDE - Lázaro Barreto.

(Homenagem às Debutantes do Estrela do Oeste Clube, em 1980.


Andréia Vasconcelos Machado - O agapanto irreal nos cabelos.
Bianca Silva - As linhas azuis fremem no rosto.
Cibele Pereira de Oliveira - Gentil pastora de aureolas intangíveis.
Cláudia Delfino Maia - Menina-e-moça, formosa e lírica flor.
Denise Fernandes Vasconcelos - O manacá na serra das hortências.
Denise Fonseca Fontes - Dança de gotas de luz, no mar.
Gisele Pereira Dias - Oh que tempo de puro jardim!
Graciele Vilela Pinto de Aguiar - O lenitivo das horas montanhosas.
Juliana Gontijo - A jóia rara a cintilar no fundo do baú.
Karol Canto Silva - Moçassim, ser doce de maçã assim!
Laura Souto Bitencourt - O suave e doce coração de veludo.
Lisa Rodrigues do Couto - A fonte transborda da nascente do sol.
Maria Alaíde de Castro - Dois movimentos da paixão segundo Bach.
Maria Cristina Vaz de Melo Faria - Pingo de água na folha do inhame.
Maria Helena Bueno Alvim - Varinha de condão nas mãos da fada .
Maria de Lourdes Couto Lopes - Alegre canção entre dois suspiros.
Marisa Pérpetua Gonçalves de Castro - Oh quê moçanjo do céu e da terra!
Marta Regina Fersiva - Este olhar de sorridente primavera.
Miriam Júlia dos Santos - Musa e canção de todos os tempos.
Paula Pinto Resende Costa - O mar de pequenas ondas buliçosas.
Patrícia Regina Morato Barbosa - Do caos a luz refulge, Deus ressurge.
Rosana Rodrigues - Eis a rosa de maio, de doze pétalas.
Silma Regina Fagundes - A graça de Deus mais perto de nós.
Simone Arruda Dias - O calor temperado de folhas verdes.
Sinara Morato Pereira - A estrela caída no campo das gabirobas.
Soraia Pífano Marques da Silva - Nenhum anjo é mais puro!
Valéria Cardoso - Arco-íris no céu estival de julho.
Valéria Siqueira Mesquita - A suavidade das colinas itapecericanas.
Waleska Diniz Oliveira - Pedrinha preciosa na fonte mais límpida.

(*) – Texto publicado em 09/07/1980, no jornal AGORA, Divinópolis, MG.